Palhaça Sola

A-Palhaça-Sola-em-cena-Sté-Fratechi-Divulgação

A peça que abriu a 15° edição do Festival de Teatro de Araçatuba – FESTARA é da ATUACIA de Ribeirão Preto, protagonizada por Cinthia Vendruscolo, a Palhaça Sola. Na sinopse do espetáculo uma indicação do que virá: “… tendo a solidão como cúmplice, uma palhaça inicia a construção da sua nova casa e, durante essa tentativa, encontra uma revista com preciosa chamada: ‘Como arranjar um companheiro em três passos’…”. Soa simples para um trabalho de palhaçaria com viés feminista.

Se Cinthia é uma boa intérprete, cativando e executando as ações com precisão, e a direção de cena de Adriana Scannavez conceba bons momentos, o resultado oscila, pois em boa parte parece que Palhaça Sola é uma peça de palhaços para adultos (a indicação é 12 anos), porém está incluída no horário infantil/infanto-juvenil e suas gags são direcionadas para o público infantil. O resultado: a risada vem dos adultos que entendem as metáforas presentes na moral da história, enquanto para as crianças é reservado as simbologias lúdicas.

Sola é expulsa de um local com diversas malas. Sozinha na rua, resolve reconstruir um lugar para morar e nessa reconstrução “acha” no meio de suas coisas uma revista que dá dicas de como ela pode arrumar um namorado. O que a principio era a história de uma palhaça sem “lenço e sem documento” se torna um “drama” de uma mulher que precisa se enquadrar nos ditames de uma sociedade que estabeleceu em algum momento que para se ter um relacionamento é preciso ser magra, bonita e gostosa. Como uma criança decupa o desejo de um adulto de querer ser “gostosa”? O que significa ser gostosa, afinal?

Mesmo que a encenação faça trocadilhos com alimentos para atingir a todos, o alvo é claro, as mães. Então ficamos assim: a criançada com o imagético, e os adultos com a “moral da história”. Em partes a peça me remeteu a “Louca de amor, quase surtada”, solo da atriz Lena Roque, que esteve presente na última edição do FESTARA. Sola e Helena (a personagem de “Louca…”) tem suas existências atreladas a necessidade da presença e da  validação do outro. Essa dicotomia entre querer e ser da mulher contemporânea não é decupada a contento para o universo infanto-juvenil, o que faz com que o trabalho pareça deslocado do seu público alvo.

Isso porque não estou fazendo diferenciação entre o público infantil que ficaria abaixo dos 12 anos e o público juvenil, que abarcaria adolescentes aflitas para serem aceitas.

O tom amoral de Sola, é bem vindo e agrada, arrancando riso dos adultos. Esse tom propositadamente desrespeitoso me trouxe outra associação que é o trabalho de Marcio Douglas em “Animo Festas“. Sola e Klaus (o palhaço de “Animo…”) independente do gênero, são artistas que se utilizam da palhaçaria para subverter códigos e signos do mundo moderno. No caso de Sola, a busca pelo outro, a beleza e a aceitação.

A possibilidade de ri de si mesma como auto crítica é um recurso que funciona. É como se no ridículo da situação a personagem sublimasse o tom risível de sua angustias. A frase “Levanta a cabeça princesa, senão a coroa cai”  que viralizou ano passado por ter sido citado num reality show, parece ser uma referência para Sola, uma mulher que não se enquadra nas exigências do mercado dos afetos e restará só.

A solidão que fecha o solo de forma seminal é outra questão que deixa o trabalho com uma sensação de incompletude. Não há uma saída para as questões de Sola que a livre do tom culposo de restar só? E como explicar aos “baixinhos” um final tão silencioso? O riso que preenche os 60 minutos do trabalho soa um artificio frágil diante de um final tão fatalista.

Palhaça Sola abre janelas mas não indica como o público pode fechá-las.

Rodolfo Lima

Obs: o FESTARA – Festival de Teatro de Araçatuba, segue até o dia 22 de junho de 2019. Mais informações: https://www.facebook.com/festarafestival/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s